Publicado em Deixe um comentário

Como evitar contaminações durante as festas de final de ano

Evitar Contaminação Festas

As festas de final de ano chegaram, e nada mais justo do que comemorar as conquistas em um ano tão difícil como 2021. Para isso, separamos algumas dicas sobre como evitar contaminações durante as festas de final de ano e garantir que as festividades sejam mais seguras.

Antes, é importante lembrar que a pandemia ainda não acabou e, assim como houve o surgimento da variante Delta, no fim de 2020, uma nova variante, a Ômicron, está avançando em todo o mundo, inclusive no Brasil. Ela representa um alerta sobre a pandemia e a realização das festividades de fim de ano.

Apesar dos altos índices de vacinação, é importante lembrar que ainda não vencemos esta guerra, e que crianças entre 5 e 11 anos ainda não foram vacinadas. Por isso, o Observatório Covid-19, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), lançou uma nova cartilha com orientações sobre as formas mais seguras de passar as festas de Natal e Réveillon. Além disso, essas orientações podem ajudar a diminuir os riscos de transmissão da Covid-19 e outras doenças com a mesma forma de transmissão, como a H3N2, durante estes períodos.

Abaixo, separamos algumas dicas para garantir a segurança de todos durante as festividades:

Selecione um ambiente seguro e evite contaminações

  • Limite o número de pessoas de acordo com o tamanho do espaço onde ocorrerá a festa para que não haja aglomeração.
  • Dê preferência a locais abertos ou bem ventilados. Evite o uso de ar-condicionado, ventiladores ou circuladores de ar.
  • Pessoas idosas ou imunossuprimidas devem estar em lugares mais arejados e SEMPRE utilizando máscaras.
  • Se possível, procure saber se todos os convidados estão vacinados contra Covid-19 ou se testaram negativo poucos dias antes do evento.
  • Deve-se proteger as crianças pequenas que ainda não podem ser vacinadas. Nesse sentido, mantendo-as em lugares mais arejados sempre que possível.
  • Oriente os convidados que não compareçam se apresentarem sintomas, mesmo que leves. Além disso, se estiverem “desconfiados” que tenham contraído Covid-19 ou gripe, também não devem comparecer.

Cuidados individuais que reduzem o risco de contaminações

  • Antes de mais nada, evite o uso de toalhas de pano nos banheiros. Tenha disponível sabão e papel para secagem de mãos no banheiro.
  • Disponibilize álcool em gel na entrada e nos ambientes.
  • O compartilhamento de pratos, copos ou talheres está proibido.
  • Guardanapos, só de papel.
  • Mesmo que não esteja no grupo de risco, se possível, use a máscara.
  • Lembra a forma correta de higienizar as mãos? Se quiser relembrar, temos o passo a passo aqui para você.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.